quinta-feira, 27 de setembro de 2007

... avassalador desejo,


Num avassalador desejo, o vulcão entra em erupção intensamente, para te devorar
Nas labaredas que ardem na tua pele, que se reafirma a cada toque meu,
Deixas-te envolver demoradamente, saboreando cada saliência existente em mim.
Desafias-me deliciosamente para um duelo de corpos, utilizando a técnica perfeita,
De girares o corpo em volta deste fogo ardente, que se transforma num escaldante e fervoroso momento!!! Nesta Noite, em que o roído da raiva se solta entre gemidos sussurrados, e a luz do luar, entre as larvas de duas espécies que perdem o controle, e se consomem mutuamente, deliciando-nos de uma forma voraz, mergulhamo-nos numa arrebatadora dança frenética, atiçando a sede que nos faz beber compulsivamente, até chegar-mos à embriaguez deste desejo carnal. Por fim, num supremo êxtase, erguemos os nossos corpos, e dançamos uma valsa acompanhados pelo brilhar das estrelas, e a luz da lua!!!!!

17 comentários:

Um Momento disse...

tou a pinsari
o k hei de acomentari
a oubir o violino
a tocari as suas melodias
o bulcão a querer entrar em erupção
e ele com ele na mão... ao biolino note-se
Xiu
estou a escreber aki o comentario...
E desliza , e toca, e dança
E a bontade ,o desejo... de o violino tocarem, de as suas cordas acariciarem...
De com ele mergulharem , na laba do amori
Ai jajusssssssss
Ta calori...
Bou apanhar ari
Ufffffffffffff
( aguém tem um lequi aí??)

Beijo em ti Minha Doce Loucura

(*)

Lu@r disse...

À luz do luar a coisa atinge outra dimensão, talvez o luar nem seja uma luz intensa.

Talvez seja uma Luz diferente de todas as luzes que brilham.

Escreves bem e encantas.

Deixo um beijo sentido

Marquês disse...

Sinto-te dentro, num agitar constante do corpo com todos os fluidos a derramarem-se em simultâneo, numa única sensação e evasão total do corpo...

Cris disse...

Ai Miss Amizade, bolas!!!!!
Deixaste-me cheia de calores e arrepios!!!!
Mas olha...Não é que gostei??!!
Bjokas gandes e amei o teu texto
Cris

AlguemQueConheces disse...

Louquissima do meu coração, tu sabes que tenho andado muito atarefada, por isso a minha ausência por aqui, mas hoje tive um furito e cá estou eu.
E deixa que te diga, que andas completamente com esses neurónios todos levantadinhos. LlllloooooLlll
Mas na verdade adorei ler-te, quem diria que a louquita escrevia de uma forma tão ardente.
Paixão no ar?

Joquinhas da mar

O Profeta disse...

Saberás que um bando de gaivotas
Fugidas à fúria de alteroso mar
São pássaros perdidos do ninho
Que a bruma não deixa encontrar

Saberás também que o mar
Cavalga nas asas do vento
Em dias de forte tempestade
Aos olhos de um Neptuno atento

Bom fim de semana

Doce beijo

sveronica disse...

E no desejo louco, nossos corpos se enlaçam; numa valsa ao luar...

Ai...ouvi até os gemidos...

beijinhos

Rosas_de_Fogo disse...

Bem retratado este "...avassalador desejo".

Tu tens o dom de me embalar com os teus escritos.

Beijokas com carinho em tu Afilhada Lindona

Farao aka A.G. disse...

naminteressa teusdevaneios, andeihojenofeelings a relerasloucurasdeduasdoidas queoescreviam e aindainventavamnickcs ecomentadoresdemúltiplaspersonalidades, rarasmadrugadasdeloucuramuitaloucura.

Andasnaboavaiela? A balançarnobalancé sómesmotupara mefazereslerestascoisas calientes sómesmotuparatebalançaresassim doidacompletamentelouca. Bomfimdesemanaebeijosaosabordatuavontadedadosporquemmaisdesejas.

Condessa disse...

LOUCA, vim lambuzar-me com o teu texto, desculpa lá a intromissão, mas agradas-me. :P

Condessa disse...

E já agora faço uma reclamação, a Alcova não é só do Marquês, também é minha, (uma Condessa sempre teu dispôr como sabes) sem falar da CamaReira que também tem um terço da Alcova. Portanto RECLAMO a presença do meu nome e o nome da minha fiel CamaReira como donos e senhores da Alcova Real.
Aproveito para te deixar um beijo dos meus, ardente :)

POETA VAGABUNDO disse...

quente....muito quente...:)
beijo vagabundo

malukinha d'arroios disse...

oh louca,+ louca, não há

era pa comentar como, bigode amarelo, mas ... tá bem! dá mto trabalho

uma boa dança, pra lá, pra cá, é sempre bom pa voces...a qualker momento... pra lá, pra cá... vê lá se a cadeira aguenta... era melhor valsares contra a parede...

lolol

abracinho

suruka disse...

Paixão é o que é.
Belo texto. Arde-me a alma de desejo acesa.

bjs

Anónimo disse...

Tão carnal e tão sentido...
Desejo insaciável que nos faz perder a razão...
Uma dança interminável de corpos despidos...
Orgasmos partilhados, vividos, gritados...

Adorei o texto e senti.o como se fosse eu...cada movimento do meu corpo era revivido em linhas soltas e lidas.
Partilhamos o gosto por uma escrita ousada, perversa, maliciosa, lasciva... parceira ;)

Bjss mtos...em ti

Rain Sister disse...

Hummmm!!!!!!......este blog anda mesmo a ficar quente. Tou a gostar ;-)

Entre linhas... disse...

Numa dança constante em que os corpos entranhados pela luz em gestos miraculosos.
Bjs Zita