sexta-feira, 15 de junho de 2007

Para te Dizer.....


Não sei se estas aí agora. Queria dizer-te tantas coisas... aquelas que falamos na hora do pôr do Sol, ou em qualquer lugar e hora… Da música baixinho, de por a cabeça no colo, do cafuné nos cabelos…
O falar do sentir somente…
Saber que tudo o que é dito é importante por mais “bobo” que pareça.
Passamos todos os dias a conviver com a realidade, debatendo-nos dentro dela, confrontando-nos com ela… e por vezes revoltando-nos contra esse conformismo e contra nós mesmos por aceita-la tão passivamente… Será?
Endurecemos, porque ser duros faz com que a realidade nos pareça mais fácil de ser encarada, de ser vivida todos os dias.
Demonstra-mos pouco ou nada de sentimentos, como carinho, ternura, desejo, paixão, amor, saudade… Como se demonstrar isso fosse tornar mais difícil a convivência com a realidade… Como se demonstrar isso nos fosse magoar e não damos conta que, as vezes, não o demonstrar magoa ainda mais.
Há uma distancia física enorme entre nós…E esta é uma realidade que, neste momento não me deixa ver o instante em que vou poder te tocar, te abraçar, te olhar, te sentir…
Mas sei que estamos juntos o tempo todo, um no coração do outro, sei o que somos um para o outro, o que representamos, o que sentimos… Sei e sinto tudo isso…mas neste momento em que a saudade de te ter em mim falou mais alto, tive necessidade de o demonstrar por palavras… sem mágoa… Foi só a saudade e o coração a falar

Sou só eu a falar… Amo-te
Poema escrito por Negra_Tulipa

7 comentários:

Op.Louca disse...

Tiaaaaaaaaaaaaa...... Ouve lá, em vez de eu colocar aqui poemas teus, o melhor é mesmo abrires um Blog, que tal a ideia, heim? Ahahahahahaha
( Não....não.....pensando melhor, deixa-te estar aí sossegadita no teu cantinho, que por vezes, sabe bem receber prendinhas destas, para cá colocar: ) ! )

" Mas sei que estamos juntos o tempo todo, um no coração do outro, sei o que somos um para o outro, o que representamos, o que sentimos… Sei e sinto tudo isso…mas neste momento em que a saudade de te ter em mim falou mais alto, tive necessidade de o demonstrar por palavras… sem mágoa… Foi só a saudade e o coração a falar!!!! "

E os deditos a escrever :P

Amei o presentinho, e mais ainda todas as palavras escritas... só ParaLheDizeres: Amo-te : )

AlguémQueConheces disse...

Negra_Tulipa, é sempre bom lê-la sem ser nos comentários. Sortuda a nossa louquinha de ter uma tia que por vezes a presenteia com textos muito bonitos.

Joquinhas para as 2

Curioso disse...

Op

( Simpática a 'Tia',né! )

Gostei da atitude da ofertazita, e do texto.

Beijinho

A.S. disse...

Um texto belissimo, ao mesmo tempo delicado e arrabatador, onde a sensualidade e o desejo se conjugam numa harmonia perfeita...


Um terno beijo!

Rosas_de_Fogo disse...

Só pode mesmo ser uma pessoa muito especial e um felizardo, para se ter direito a um poema assim. Simplesmente maravilhoso.
Como o Amor é lindo.

Beijokas em tu mana linda, com muito carinho.

PS: Já agora eu tb acho, como a Afilhada (tb uma beijoka para ti Lindona), que devias abrir um blog teu, mana. Pensa nisso com carinho e vontade.

policiadeservico disse...

Nao sabia qua a menina escrevia tao bem.Aqui deixo os meus parabens para tao lindo poema

Vity disse...

Ola Negra Tulipa... (quanta beleza e raridade)...

Muitas vezes não manifestamos os nossos sentimentos, ou tão só os gestos de carinho, por "medo"...
Medo de não serem aceites ... não serem correspondidos, e, isso nos trazer dor e sofrimento...
Assim, vamos "fugindo", sem perceber que é de nós que fugimos...
E por medo de sofrer ... deixamos de viver!!!

Ainda bem que não tens esse medo ... e dizes o que sentes...

Beijo
Vity