sábado, 12 de maio de 2007

Vens?!?


Começo a sentir cansaço em mim própria, as forças começam a esgotar-se, olho-me ao espelho, e não aprecio a imagem que vejo reflectida do meu ser. É um exercício saudável, deste monólogo, em que digo a mim mesma que necessito de renascer, lutar, para não me transformar num ser cruel. Olho-me nos olhos e tento apagar tudo o que vejo em mim, mas as memórias não deixam.

Sinto as palavras atravessadas, palavras que se atracam bem lá no fundo do meu Eu!

Tudo se tranforma num deserto, onde o sol me sufoca a respiração, me faz sentir transpirar, me dá sede de beber a água que não encontro.

Luto, em busca de uma sombra.....

Num gesto brusco que sai de mim, rasgo mais um pouco de ti, em cada palavra, em cada verso, em cada momento, com o sentimento que não consigo esconder. Consumida pelo cansaço, sinto dificuldade de me libertar, de transportar estas palavras para o papel. Um arrepio repentino apodera-se de mim, nas palavras que não consigo deixar de te escrever.

Serás Tu, o verdadeiro sentido da minha escrita??!!??

Quero fugir de algo, e cada vez mais, me sinto num beco sem saída, algo me impede, não me deixa apenas....

Inexplicavelmente condeno-me, por ainda não te ter esquecido.

Pergunto-te:

Deixas-me tocar a tua alma???

Deixas-me experimentar essa essência, beber dela???

Vens libertar-me???

9 comentários:

KI disse...

Não vou coíssima nehuma! EU ia até onde bem eu sei, voava, saltava, corria, levitava...mas não... e bastava um 'vem'...

Sabes aquela música? 'Dou-te um doce em troca de um beijo salgado'?

Eheheheheheh!

Anónimo disse...

huuuuummmmm.....se nao for so perde ...mas perde mt mesmo lol....beijão minha carinha linda krust

Kony disse...

amazing...

Lu@r disse...

Fabuloso...Divino...

Perdi-me

Beijo doce

Negra_Tulipa disse...

Eu sei... de tanto ficar com o coraçao partido,quando se quer recomeçar falta sempre um bocado, depois para ele ficar completo vamos colando o dito com argamaça e ele vai ficando de pedra e nós vamos sendo cada dia que passa mais frias... mais crueis. Nao é facil Viver a Vida sem que isso nos aconteça, quando damos tudo e recebemos tao pouco ficamos o sabor de mais uma vez nos termos dado em vao e a pessoa errada... mas sera que era o outro a pessoa errada para nós... ou nós a pessoa errada para o outro??? jinhos nina mai linda e nao procures nos outros o que tem que vir de dentro de ti!!!! Tu es FORTE!!!! never forget!!!! :)

Anónimo disse...

Um post que me toca na alma...bem escrito,bem estruturado.Gostei tanto que tenho que devolver a pergunta...Vens??? ced(z)inho?? :)

Som Do Silêncio disse...

por vezes a nossa alma está tão cansada, esgotada que já não suporta mais nada...
Adoro visitar o teu cantinho, escreves coisas maravilhosas.
Beijinhos

Vity disse...

Ola,

Teimamos em procurar nos outros a nossa libertação, a nossa felicidade, quando tudo está dentro de nós.
Experimenta um sorriso quando te olhares ao espelho, vais perceber que os teus olhos ficarão brilhantes ... é o sorriso da alma que se manifesta no brilho do olhar...
beijo
Vity

Lu@r disse...

Ah
Vivo aqui, pois.
Sabe bem

:)